Objetivos

Histórico e Contextualização do Programa

 

O Programa de Pós-graduação em Biotecnologia (PPGBiotec/UFBA), em consonância ao PDI da UFBA e cumprindo sua vocação acadêmica em harmonia com o compromisso social que norteia esta Instituição, teve início em 2010 com a implantação do Mestrado em Biotecnologia. Em 2015 foi aprovado o Doutorado em Biotecnologia dentro do mesmo programa. Atualmente o PPGBiotec conta com 61 mestres titulados, 39 pós-graduandos  matriculados entre os cursos de Mestrado e Doutorado. O PPGBiotec/UFBA elaborou  produtos e melhoria de bioprocessos, com o depósito de 22 patentes entre 2010 e 2012. Este número de patentes aumentou significativamente no quadriênio 2013-2016 quando houve o depósito de 40 patentes. Desde a sua criação o PPGBiotec apresentou, portanto, 62 depósitos de patentes, a maioria destas com a participação de discentes e com a parceria de empresas, como a PETROBRAS. A meta do programa em Biotecnologia é aumentar a eficiência de produção e de valor agregado de bioprodutos, favorecendo a eficiência produtiva do país e especificamente do estado da Bahia.

 

Atualmente o PGBiotec conta com oito docentes que são PQs do CNPQ. Os docentes do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia pertencem a diferentes unidades acadêmicas da UFBA e possuem formação em diversas áreas como Ciências Biológicas, Física, Farmácia, Medicina, Odontologia e Medicina Veterinária. Esta composição multidisciplinar determina um perfil de interdisciplinaridade onde o diálogo entre diferentes formações permite a aplicação de princípios e metodologias diversos, cujo resultado é a construção de soluções inovadoras.

 

A partir da instituição do Doutorado em 2015, houve uma reestruturação das áreas de concentração do Programa com a inclusão de mais uma área, a de Biofotônica e Nanotecnologia, além da atualização das duas outras áreas, que tiveram suas denominações e suas linhas de pesquisa reestruturadas a fim de buscar áreas de ponta como genômica, pós-genômica, metabolômica e nanobiotecnologia.  Estas inovações objetivaram atender à demanda científica e tecnológica dos pós-graduandos e dos pesquisadores vinculados ao PPGBiotec, além de avançar em áreas promissoras para inovações tecnológicas que possam atender às demandas do mercado nacional e internacional.

 

Atualmente o PPGBiotec tem três áreas de concentração: Biotecnologia Industrial e Ambiental, Biotecnologia de Insumos Biológicos e Biofotônica e Nanotecnologia. Cada uma das áreas de concentração possui três linhas de pesquisa. A área de Biotecnologia Industrial e Ambiental visa aperfeiçoar o uso e/ou o cultivo de organismos vivos para produzir bioprodutos de valor comercial ou biocombustíveis e gerar novos bioprocessos ou melhorar os já existentes. A área de Biotecnologia de Insumos Biológicos tem como objetivo o desenvolvimento de agentes profiláticos, terapêuticos, antígenos e outros bioativos para aplicações em vacinas, imunomodulação e testes diagnósticos, bem como bioprospecção e manipulação gênica de bioativos e estudos de biologia de sistemas e biologia sintética. A área de Biofotônica e Nanotecnologia tem como escopo a utilização de fontes de luz e/ou nanomateriais para melhorar ou promover diversos bioprocessos de interesse biotecnológico como as suas aplicações em atividades terapêuticas e seu uso no desenvolvimento de bio e nanosensores. Esta nova área insere-se no campo de conhecimento da Biotecnologia, destacando o caráter multidisciplinar que é a definição básica desse ramo da ciência.

 

Objetivos do PPGBiotec-UFBA

 

São objetivos do Programa Pós-Graduação em Biotecnologia:

i.          Formar profissionais em nível de Mestrado e Doutorado com uma sólida formação técnico-cientifica para atuar em diversos campos de aplicação da biotecnologia, quer na pesquisa ou nos demais setores de produção.

ii.         Desenvolver projetos de pesquisa relacionados às áreas de concentração: Biotecnologia Industrial e Ambiental, Biotecnologia de Insumos Biológicos e Biofotônica e Nanotecnologia.

iii.        Gerar e disponibilizar o conhecimento científico e tecnológico, propiciando o desenvolvimento de processos, tecnologias, produtos e serviços inovadores visando à melhoria da qualidade de vida.

iv.        Contribuir para a geração de novos conhecimentos e tecnologias para o desenvolvimento regional em conjunto com outras instituições locais e internacionais.

v.         Estabelecer intercâmbios e parcerias com instituições nacionais e internacionais bem como o setor produtivo, visando melhorar o nível de desenvolvimento técnico-científico.

 

 

Perfil do Egresso

O egresso do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia da UFBA estará apto ao exercício do magistério superior e capacitado para o desenvolvimento de pesquisa para a produção intelectual, geração de produtos e processos biotecnológicos. O profissional formado pelo Programa de Pós-graduação em Biotecnologia será capaz de atuar em diferentes áreas do conhecimento e assim suprir a necessidade do mercado brasileiro por novas tecnologias e processos aplicados para a criação de bioprodutos de valor agregado e/ou na provisão de serviços especializados. O Pós-graduado em Biotecnologia deverá apresentar uma formação ampla, multidisciplinar, ser capaz de relacionar ciência, tecnologia e sociedade; ser capaz de atender às exigências de mercado de trabalho com visão ética e humanística; ser, como educador, participante da construção de conhecimento e consciente de seu papel na formação de cidadãos críticos; ser capaz de analisar a realidade, contextualizando nela sua atividade; deverá possuir iniciativa e agilidade para aprofundar seus conhecimentos científicos e acompanhar as rápidas mudanças da área; ser capaz de tomar decisões levando em conta o meio ambiente, a vida e os valores ético-sociais, na perspectiva de disponibilizar processos e produtos que garantam maior economia, eficácia, competitividade e adaptabilidade para seu uso social final.